terça-feira, 28 de outubro de 2008

Curiosidades Históricas


ÁGUA VAI!

"Água vai!" - era este o grito que aconselhava procurar abrigo .... e rápido!
O grito de "água vai!" servia de aviso a todos quantos passavam por baixo de uma janela. Grito dado, eram lançadas as águas sujas da casa...
A falta de higiene deste costume secular deu origem a inúmeras queixas e muita legislação para o disciplinar e, por fim, banir.
Um dos diplomas administrativos mais interessantes é o Edital de 1 de Abril de 1818, da Câmara Municipal de Lisboa, proibindo que se lancem os despejos e lixos para a rua, reforçando anteriores editais de 27 de Maio e 27 de Junho de 1803. Atente-se na tipificação das infracções e respectivas multas:

1 – Lançar das janelas corpos sólidos de dia ou de noite 12$000
2 – Ditos de dentro das portas 6$000
3 – Imundícies ascorosas de dia 10$000
4 – De noite a qualquer hora, ainda com vozes de anúncio 5$000
5 – Águas imundas de dia 8$000
6 – De noite a qualquer hora, ainda com vozes de anúncio 4$000
7 – Lixos das casas, ou restos de fruta ou hortaliças de dia 4$000
8 – De noite sobre os passeios, ainda com anúncio 2$000
9 – Água limpa das janelas ou de dentro das portas de dia,
e sobre os passeios 2$000
10 – De noite, posto que com vozes de anúncio 5$000

N.B. Fica livre aos moradores, que não tiverem despejos próprios, o descer à rua, depois das dez horas, e vazar as imundicies, lixos, e restos de hortaliças e fruta fora dos passeios, para serem extraídas pelos carros de limpeza."


Tirado ao livro "Frases que fizeram a História de Portugal", de Ferreira Fernandes e João Ferreira

6 comentários:

fiel.jardineira disse...

Estou farta de rir, lololol. Está girissimo! Também ha uma lei qualquer que estipula as coimas para sexo na rua e diz "coisa na mão, mão na coisa, coisa na coisa"! llooolol vou ver se encontro.
Beijocas

maripoza disse...

Pôxa, as coisas que vais buscar....

Mas não deixa de ser interessante saber :))

Ainda bem que não vivi nessa época, blargh... se agora já me faz diferença a imundície em que se torna a minha cidade aos domingos porque não há recolha de lixo, nessa altura então...

Aquela do "lançar das janelas corpos sólidos de dia ou de noite..." vai lá vai....lol

beijo esvoaçante

Verónica disse...

Parece que continuamos a não saber olhar para o passado!
Este exemplo de tempos remotos devia ser posto em prática nos dias de hoje!
Porque por incrível que pareça no sec 21 os hábitos são praricamente os mesmos!
Não se atira na cabeça da pessoas mas pouco falta!
Há muita rua por aí que é uma vergonha
E existe informação!
Penso que se optasse por multas pesadas as pessoas iriam pensar duas vezes. Se não vai a bem ,vai a mal! faz falta responsabilizar os cidadãos pelos seus actos.
Beijo voador

Smile disse...

Olá Fiel
Rsrs… bem, agora imagina o cheiro que era naquela altura … rsrsrs… Bolas!!! Bolas!!!
Seria difícil sair à rua sem levar com um objecto voador não identificado :-)
Bjs vizinhais

Smile disse...

Maripoza :-)
Dizes bem quando mencionas a imundície que a cidade se torna quando não há recolha de lixo… se assim já é difícil, imagina como era naquela altura… acho que nem dá para imaginar!
Mas sabes…. acho que ainda existe pessoas que atiram certo lixo pela janela fora.
Beijocas

Smile disse...

Verónica,
Nem mais!
Com tanta informação que existe nos nossos dias as pessoas continuam, infelizmente, a não querer saber do meio ambiente. Hoje não tem desculpa,
É preciso sim responsabilizar os cidadãos pelos seus actos. Vejo com cada coisa aqui na minha rua e se chamamos à atenção ainda estamos sujeitos a algum que não gostamos.
Bjs voadores